top of page

PM salva família mantida como refém por quadrilha de roubo de carga

Nos primeiros minutos desta quarta-feira (19/4), um casal e a filha foram raptados e mantidos como reféns depois que o caminhão em que estavam, um Volvo, foi tomado de assalto por quatro suspeitos — três homens e uma mulher. As vítimas do crime foram um motorista de caminhão, L. C. S., de 34 anos, a companheira, M. A. L, de 23 anos, e uma criança de apenas 3 anos.


O caminhoneiro e a família estavam parados em um posto de gasolina na altura do quilômetro 577 da rodovia BR-381, próximo a Itaguara, Grande BH, quando foram surpreendidos pelos suspeitos, que portando armas disseram que se tratava de um assalto e queriam a carga do veículo — chocolate.

As vítimas foram levadas para a região de Betim, mas não sabiam onde estavam, pois o marido e a mulher foram obrigados a ficar de cabeças abaixadas durante a locomoção. Nem chegaram a ver os rostos dos suspeitos, disseram. A única certeza é que eram três homens e uma mulher.


Não houve comunicado para a PM, no entanto, uma viatura circulava pela rodovia e avistou um Palio, de cor prata, fazendo um retorno proibido na via. Por isso, os policiais decidiram abordar o condutor do transporte. Na abordagem, os agentes verificaram a documentação dos dois ocupantes e revistaram o veículo. Não encontraram nada irregular e fizeram a liberação.


No entanto, assim que o Palio saiu, outro motorista passou e denunciou ter visto um dos ocupantes revistados jogando alguma coisa pesada pela janela. Os policiais foram ao ponto indicado pelo denunciante e encontraram um bloqueador de GPS.

Logo, retomaram a diligência atrás do Palio e o encontraram em um posto de gasolina. Os policiais estranharam que naquele instante restava apenas um ocupante, o motorista. Fizeram novo interrogatório e o homem não soube explicar onde estava o passageiro do carro, caindo em contradições.

O suspeito tentou, então, negociar com os policiais a liberdade em troca de informações sobre o caminhão roubado e os ocupantes. Os militares fingiram aceitar o acordo e o homem confessou onde estavam as três vítimas, o casal e a filha.


Os policiais permitiram que ele fizesse uma ligação para o comparsa a fim de saber onde estaria. O outro suspeito disse que estavam em um posto de gasolina, próximo a Betim. O local foi cercado e em pouco tempo encontraram o casal e a menina.


Com os reféns liberados e sem ferimentos, os policiais passaram a se concentrar no caminhão e em localizar o outro carro que levava as vítimas, um Volkswagen preto. O Volvo foi encontrado abandonado, numa estrada vicinal, com a carga intacta.


Os policiais levaram o único preso para a Delegacia de Betim e, a partir das informações, os policiais civis esperam prender os outros três integrantes da quadrilha.




Comentários


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page