top of page

Petroleiros de Minas aprovam estado de greve e marcam assembleia para segunda


Petroleiros da Refinaria Gabriel Passos (Regap), em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, aprovaram estado de greve e podem paralisar as atividades na próxima segunda-feira (27). Durante manifestação realizada nesta sexta-feira (24), a categoria protestou contra a retomada do processo de privatização encaminhado pela diretoria executiva da Petrobras ao Conselho de Administração (CA) da empresa. De acordo com o diretor do Sindicato dos Petroleiros de Minas Gerais (Sindipetro-MG), Guilherme Alves, o estado de greve aprovado pela categoria cobra a interrupção dos "processos de privatização e, também, a saída dos membros bolsonaristas da diretoria executiva e do conselho de administração da Petrobras". Conforme a entidade, outras quatro assembleias serão realizadas para abranger toda a categoria de Minas. A primeira delas ocorre na próxima segunda-feira (27), em frente à Regap, em Betim. Na ocasião, a categoria deve votar se vai paralisar ou não as atividades. Privatização Segundo o Sindipetro-MG, em decisão publicada na última sexta (17), a Petrobras sinalizou que pretende prosseguir com a venda de quatro refinarias, localizadas no Espírito Santo, Rio Grande do Norte e Ceará, cujo os projetos já tiveram pré-contrato assinado. O documento enviado pela diretoria da empresa ao Conselho aconteceu duas semanas após o Ministério de Minas e Energia (MME) pedir à Petrobras a suspensão, por 90 dias, da venda de ativos da petroleira, para análise e reavaliação. Diante disso, uma paralisação nacional foi convocada pela Federação Nacional dos Petroleiros (FUP), e é aderida pelos petroleiros de Minas.




Comentários


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page