top of page

Justiça de Barcelona marca e Daniel Alves será julgado em fevereiro de 2024

A Justiça de Barcelona informou que o jogador brasileIro Daniel Alves será julgado entre os dias 5 e 7 de janeiro de 2024. Dani é acusado de agredir sexualmente uma mulher dentro de uma boate de Barcelona em dezembro de 2022 e poderá pegar até 12 anos de prisão. 

Além do cárcere, o ex-jogador da Seleção Brasileira também deverá pagar uma indenização à vítima, em caso de condenação, no valor de 150 mil euros (cerca de R$ 800 mil) por sequelas físicas e psicológicas. A defesa da mulher também pediu uma medida protetiva que impedirá Daniel Alves de se aproximar dela por aproximadamente um quilômetro, durante 10 anos,  após o jogador cumprir a pena. 


O jogador está em prisão preventiva sem direito a fiança. Ele nega ter cometido o crime, mesmo tendo mudado a versão por mais de uma vez, diferentemente da mulher de 23 anos, que mantém a posição apresentada desde o dia 30 de dezembro de 2022, quando disse que foi estuprada pelo jogador na boate Sutton.

Segundo ela e o Ministério Público o ex-lateral do São Paulo teria demonstrado uma "atitude violenta", agredindo a mulher e forçando-a a manter relações sexuais, sem consentimento, em um banheiro de uma Sala Vip da boate.  


No dia 20 de janeiro deste ano, Dani Alves foi à Barcelona para prestar depoimento por vontade própria e acabou detido pela polícia local.




Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page