top of page

Cruzeiro: Sete Lagoas libera Arena do Jacaré para receber até 3.900 torcedores

Após reunião do Comitê de Enfrentamento da Covid de Sete Lagoas, foi decidido nesta quinta-feira que o município avançou para a Onda Verde do programa Minas Consciente do governo estadual. Desta forma, a Arena do Jacaré foi liberada para receber até 30% da capacidade de público, o que representa, atualmente, 3.900 torcedores. O Cruzeiro tem a intenção de mandar dois jogos da Série B no estádio: Ponte Preta (11 de setembro) e Operário (em data a definir). O clube celeste, inclusive, já iniciou a revitalização do gramado.


A capacidade total da Arena do Jacaré, que é de 20 mil torcedores, está reduzida momentaneamente para cerca de 13 mil pessoas devido à interdição de uma parte do estádio por conta de obras na estrutura das arquibancadas.

A decisão será publicada em Decreto Municipal ainda nesta quinta-feira. A reclassificação de Sete Lagoas para a Onda Verde foi aprovada por unanimidade pelos membros do Comitê. Assim, os estádios da cidade deixam de ter o limite de 600 torcedores.

“A vacinação evoluiu muito em Sete Lagoas, onde já aplicamos mais de 202 mil doses da vacina contra a covid-19. Levamos em consideração a queda brusca na ocupação de leitos que, atualmente, está com índices muito baixos”, comentou o prefeito Duílio de Castro. “O ritmo de transmissão de doença também seguiu o mesmo ritmo de queda”, completou o secretário municipal de Saúde, Flávio Pimenta.

Caso o Cruzeiro confirme a transferência dos jogos para Sete Lagoas, o município já avisou que haverá algumas restrições. Não será permitido o comércio ambulante de bebidas alcoólicas dentro e no entorno do estádio. Além disso, Guarda Municipal e Polícia Militar farão a fiscalização para coibir aglomerações.


Outra medida definida é que os portões da Arena do Jacaré deverão ser abertos 3 horas antes do jogo e fechados meia hora antes da partida começar. O clube mandante deve seguir todos os protocolos definidos pela Federação Mineira de Futebol e, por isso, exigir testes RT-PCR para entrada de torcedores no estádio.

“Ainda vamos nos reunir com o Democrata e o Cruzeiro para detalhar bem as regras de segurança sanitária a serem seguidas. Não podemos perder o controle e depois desse avanço ter que recuar, por isso, contamos mais uma vez com a conscientização da população e dos torcedores”, comentou o prefeito de Sete Lagoas.




Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page