top of page

Atlético sai atrás no placar, mas vence o Brasil de Pelotas com gols de Battaglia e Hulk

O Galo suou a camisa para vencer o Brasil de Pelotas, na noite desta quarta-feira, no Mineirão. A virada sobre o time gaúcho aconteceu na segunda etapa com gols de Battaglia, e Hulk, de pênalti. João Marcos fez o gol de honra dos visitantes. Agora o Alvinegro pode empatar o jogo da volta na cidade de Pelotas, no final do mês. O próximo compromisso do Galo será contra o Vasco, na 1ª rodada do Campeonato Brasileiro, no sábado. O jogo O Atlético iniciou a partida pra cima do Brasil e antes dos cinco minutos já tinha criado duas chances boas de gol. A primeira com Bruno Fuchs, depois de jogada ensaiada no escanteio, em seguida um chute de Dodô, que pegou o rebote da zaga e chutou perigosamente de fora da área. O Brasil chegou com perigo aos 13 minutos. Falta na entrada da área e Mario Henrique mandou uma bomba de canhota no canto direito de Everson. A bola passou próxima a meta atleticana. O jogo ficou morno ate o fim da primeira etapa, sem chances de gols para as equipes. Já o segundo tempo, começou com algumas oportunidades e com o Brasil abrindo o placar aos 10 minutos. Escanteio para área e João Marcos subiu mais com a zaga para testar firme e abrir o olacar do jogo, sem chances para Everson. Aos 18 minutos, falata na entrada da área para o Atlético. Hulk foi para a cobrança e colocou ele por cima do gol do time gaúcho, com grande perigo. O Galo empatou na mesma moeda, aos 21 minutos. Escanteio de Hyoran pela direita, Battaglia antecipou ao zagueiro e cabeceou no contra golpe do goleiro do time Xavante. Pavon, aos 26 minutos, arriscou um chite de fora da área e Pitol fez uma grande defesa evitando a virada do Galo. Aos 38 minutos, lance confuso na área do Brasil, e a árbitra marcou o pênalti sobre Hyoran com a ajuda do VAR. Hulk foi para a cobrança aos 40 minutos e virou o jogo para o Atlético.

ATLÉTICO 2 x 1 BRASIL DE PELOTAS

Atlético: Everson; Saravia, Jemerson, Bruno Fuchs e Dodô (Hyoran); Battaglia, Igor Gomes (Zaracho), Patrick e Pedrinho; Hulk e Isaac (Pavón) Técnico: Eduardo Coudet Brasil de Pelotas: Marcelo Pitol; Luis Gustavo, João Marcus (Afonso), Rafael Dumas e Mário Henrique; Amaral, Guilherme Nunes (Chicão) e Patrick (Germano); Rafael Pernão, Márcio Jonatan (Rone) e Da Silva (Victor Jesus) Técnico: Rogério Zimmermann Motivo: jogo de ida da 3ª fase da Copa do Brasil Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte Árbitra: Edina Alves Batista (FIFA-SP) Assistentes: Neuza Inês Back (FIFA-SP) e Leila Naiara Moreira da Cruz (FIFA-DF) VAR: Wagner Reway (PB) Gols: João Marcus (Brasil de Pelotas, aos 10' do 2°T); Rodrigo Battaglia (Atlético, aos 20' do 2°T) e Hulk (Atlético, aos 40' do 2°T) Cartões amarelos: Pavón




Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page