top of page

Atlético deixa a Liga Forte Futebol para acertar com a Libra

O Atlético, um dos fundadores da Liga Forte Futebol (LFF), confirmou na manhã desta terça-feira (11), que deixou a LFF e acertou com a Liga do Futebol Brasileiro (Libra). De acordo com o clube, a decisão pela troca foi do órgão colegiado, e “essa mudança representará, no longo prazo, maiores benefícios financeiros e institucionais para o Clube”.

“O Atlético sempre lutou por maior equidade e equilíbrio entre os times do futebol brasileiro e seguirá, na Libra, defendendo firmemente suas posições”, disse o clube que, acredita que com diálogo e respeito, possa haver a união dos dois blocos.


Vale lembrar que, por meio do presidente Sérgio Coelho, o Atlético foi um dos que criticou publicamente a Libra por não considerar justa a divisão dos interesses, que na visão do Atlético, beneficia mais a dupla Flamengo e Corinthians.

A troca de lado teria sido um dos desejos do principal investidor da futura SAF do Atlético, o BTG Pactual, que além da SAF, já emprestou dinheiro ao Galo e teria a receber aproximadamente R$ 168 milhões, segundo o balanço financeiro do time, conforme as primeiras informações do jornal O Globo e confirmado pelo Hoje em Dia.


Com isso, o Atlético vai negociar 12,5% dos direitos de transmissão para os próximos 50 anos com o novo bloco, que tem o Grupo Mubadala como investidor, e vai receber de forma imediata quase R$ 100 milhões pela negociação.

Com a chegada do Galo, a Libra passa a ser formada por 16 clubes: Atlético-MG, Bahia, Corinthians, Flamengo, Grêmio, Guarani, Ituano, Mirassol, Novorizontino, Palmeiras, Ponte Preta, Bragantino, Sampaio Corrêa, Santos, São Paulo e Vitória.

Como não há consenso sobre a criação de uma liga organizada pelos clubes para a formulação do novo Campeonato Brasileiro a tendência é de a criação de 2 blocos comerciais, com cada um dos grupos negociando seus contratos.

Desta forma, os integrantes da Libra assinaram com o Grupo Mubadala, e os clubes da Liga Forte Futebol com o Grupo Serengeti. O grupo independente, formado por Cruzeiro, Botafogo, Vasco e Coritiba, denominado “União”, acertou a venda dos direitos de transmissão em conjunto com a LFF, na segunda-feira (10).




Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page