top of page

Ataque x Defesa: o que esperar dos duelos das semifinais da Copa do Mundo?

A Copa do Mundo do Catar já está em sua última semana. Restam apenas quatro times no torneio, que vão se enfrentar em jogos válidos pelas semifinais. A atual campeã França e os hermanos da Argentina são os favoritos para fazerem a grande final, mas as surpresas Croácia e Marrocos já mostraram que podem bater de frente com gigantes e querem repetir isso.

Argentina e Croácia abrem os jogos nesta terça-feira (13), às 16h (de Brasília), no Estádio Lusail. Na quarta (14), França e Marrocos entram em campo no mesmo horário, no estádio Al Bayt.


Argentina x Croácia

De um lado da chave, a Argentina chega como favorita para encarar a Croácia. Os argentinos começaram mal a Copa, com uma derrota surpreendente, de virada, para a Arábia Saudita, mas se recuperaram mostrando grande evolução técnica e mental ao longo do torneio. A cada jogo realizado, os argentinos demonstraram estar melhores e mais encaixados em campo.

Mesmo atual vice-campeã do mundo, a Croácia chega para essa fase como uma surpresa. Isso porque o país perdeu alguns jogadores importantes, como Mandzukic e Rakitic, e outros já estão mais veteranos, como o craque do time Luka Modric, de 37 anos. O time croata faz uma Copa questionável no quesito ofensivo, já que só venceram um jogo até as semi, tendo empatado todos os outros. A seleção comandada por Zlaro Dalic é forte defensivamente e muito bem postada, mas sofre quando precisa atacar.


Para o duelo desta terça-feira, é esperado que a Croácia faça com a Argentina o mesmo que fez com o Brasil nas quartas. Jogando mais na defensiva, sabendo sofrer e buscando um gol em contra-ataques. Já os argentinos vão tentar furar o bloqueio croata, contando com a genialidade de Messi e um jogo coletivo que vem funcionando cada vez mais na Copa.

França x Marrocos

Atual campeã do mundo, a França é a favorita da outra chave. Os franceses perderam praticamente um time inteiro para as lesões, incluindo o atual melhor do mundo, Karim Benzema. Mas se mostraram fortes, fazendo bons jogos, dominando seus adversários. Mbappé e Griezmann são os grandes destaques do time novamente, e agora contam com os gols de Giroud, que não marcou na campanha do título em 2018, mas já tem quatro gols nessa Copa.

Do outro lado, a grande zebra da Copa, Marrocos vai tentar novamente fazer história. Os marroquinos já se tornaram o primeiro time africano a chegarem em uma semifinal, passando pelas poderosas Espanha e Portugal, e agora querem eliminar outra potência europeia para avançarem à final. Curiosamente, Marrocos passou neste Mundial por um caminho com países que o colonizaram, sendo assim, há também uma questão política para os africanos.

Em campo, é esperado que os africanos repitam o jogo de muita força e obediência defensiva, saindo para contra-ataques quando o adversário permite. Nos outros jogos, os marroquinos pouco atacaram, mas sempre que chegaram, levaram perigo. Por outro lado, a defesa conseguiu se manter eficiente e fez a diferença, principalmente com as ótimas defesas do goleiro Bono, apontado como um dos melhores da Copa.





Comments


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page