top of page

América e Botafogo não conseguem marcar e ficam no 0 x 0 no estádio Nilton Santos

Em um jogo muito equilibrado, Botafogo e América empataram em 0 x 0, no estádio Nilton Santos, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Coelho chegou aos 36 pontos e está a 4 pontos do Atlético, que é o sétimo colocado.

No primeiro tempo, o América teve mais domínio de bola, mas as melhores chances foram do time carioca. No entanto, ninguém conseguiu marcar. Na etapa final, o Botafogo foi melhor e parou nas mãos de Cavichioli, que fez uma defesa sensacional.


O jogo

O América começou pressionando e logo no primeiro minuto os atacantes trocaram bola dentro da área botafoguense, mas a zaga conseguiu cortar. Três minutos depois, Felipe Azevedo recebeu na área e chutou por cima do gol de Gatito Fernández.

O Botafogo assustou aos 13 minutos. Lucas Fernandes cobrou a falta e Tiquinho cabeceou. A bola passou à direita, raspando a trave de Cavichioli. O América era melhor no jogo e o time carioca só levava perigo no contra-ataque. Em um deles, Martinez derrubou Victor Sá e levou cartão amarelo. Na cobrança de Lucas Fernandes, Cavichioli fez grande defesa e espalmou. A bola ia no ângulo.

Publicidade

O Botafogo chegou mais uma vez e Saravia cabeceou para fora, com perigo. O América voltou a ter mais domínio do jogo. Aos 32, o time mineiro teve um lance perigoso com Henrique Almeida, dentro da área. Ele tocou por cima do goleiro e o zagueiro Victor Cuesta tirou, mas foi marcado impedimento.

As arrancadas com velocidade eram o forte do Botafogo. Jeffinho partiu pela esquerda e foi derrubado por Henrique Almeida, que também foi amarelado. Marçal cruzou da esquerda e Eduardo quase marcou de cabeça.

Aos 41, grande jogada de Jeffinho pela esquerda, ele invadiu a área, passou por Martinez e Cáceres e chutou na rede pelo lado de fora. Pouco depois, Felipe Azevedo cortou dois zagueiros e rolou para Juninho, que chutou, a bola desviou na zaga e saiu para escanteio.

Nos acréscimos a melhor chance do América. Henrique Almeida foi lançado e invadiu a área, mas o chute foi para fora.

Segundo tempo

A primeira oportunidade no segundo tempo foi do Botafogo. Jeffinho recebeu livre na intermediária, avançou, mas chutou muito mal, com a bola saindo quase na bandeirinha de escanteio.

A resposta americana veio com Henrique Almeida, que tentou cobrir Gatito, de longe, mas mandou para fora. Marçal, do Botafogo, arriscou de longe e Cavichioli defendeu. Saravia cruzou e Tiquinho conseguiu cabecear, da entrada da área, para defesa do goleiro Cavichioli.

O time carioca passou a pressionar pela direita. Victor Sá conseguiu cruzar para Tiquinho, que cabeceou novamente, mas a bola subiu. Jeffinho arriscou de fora da área. Houve desvio e a bola saiu para escanteio.

Lucas Kal tocou para Felipe Azevedo, dentro da área, e o atacante americano teve o chute travado pela zaga. O Botafogo foi ao ataque e teve mais uma boa chance aos 20 minutos. Bola cruzada da direita e Eduardo mandou para fora, de cabeça.

O time carioca teve mais um contra-ataque, desta vez pela esquerda. A bola sobrou para Tiquinho, que chutou fraco e, mesmo assim, ainda conseguiu um escanteio. Aos 31, o Botafogo quase marcou. Jeffinho acertou um chutaço, de fora da área, de voleio, e Cavichioli mandou para escanteio.

Falta na entrada da área para o Botafogo, só que Gabriel Pires isolou. Aos 44, quase gol do América. Jogada de Aloisio, que deixou de letra para Marlon. O lateral-esquerdo chutou e Gatito defendeu. A partida terminou 0 x 0. No próximo domingo (18), o América vai receber o Corinthians, às 18h, no estádio Independência.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 0 X 0 AMÉRICA

Botafogo

Gatito Fernández; Saravia, Adryelson, Cuesta e Marçal; Tchê Tchê, Eduardo e Lucas Fernandes (Gabriel Pires); Victor Sá (Lucas Piazon), Tiquinho Soares e Jeffinho

Técnico: Luís Castro

América Cavichioli; Raúl Cáceres, Éder, Ricardo Silva (Maidana) e Marlon; Lucas Kal, Juninho e Martinez (Alê); Felipe Azevedo (Aloisio), Everaldo (Matheusinho) e Henrique Almeida (Mastriani)

Técnico: Vagner Mancini

Motivo: Jogo pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Data: 11 de setembro de 2022 (domingo) Local: Rio de Janeiro Estádio: Nilton Santos Arbitragem: José Mendonça da Silva Junior (PR), auxiliado por Marcelo Carvalho Van Gasse (FIFA) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR). VAR: Daniel Nobre Bins (RS) Cartões amarelos: Martinez, Henrique Almeida, Lucas Kal, Marlon e Aloisio (América)




Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page