top of page

América desperdiça pênalti nos acréscimos e sofre nova derrota em casa

Depois de vencer os dois últimos jogos em casa, contra Santos e São Paulo, o América voltou a perder, desta vez para o Bragantino, diante do seu torcedor, com direito a pênalti perdido por Mastriani aos 48 minutos do segundo tempo.


O gol do time do Bragantino foi marcado por Jadson Silva, ex-jogador do Cruzeiro. O time do interior paulista chegou a terceira colocação da disputa com a vitória, já o América amarga a penúltima colocação do Campeonato Brasileiro.


O Jogo


O América começou a partida buscando o primeiro gol com mais intensidade e ele quase saiu aos 7 minutos. Rodriguinho fez boa jogada e lançou para Felipe Azevedo matar a bola e chutar muito perto do gol de Claiton.


Aos 21 minutos, erro na saída de bola do Bragantino, e Felipe Azevedo ficou com a sobra. O atacante fez um passe milimétrico para Mastriani, mas o zagueiro afastou a chance do gol.




O Bragantino chegou com perigo somente aos 35 minutos, porém já logo deixou a sua marca. Vitinho fez boa jogada pela esquerda e bateu cruzado, Cavichiolli soltou a bola nos pés de Jadson Silva que só empurrou para o gol. 0 a 1.


Depois do gol marcado, o América não conseguiu criar mais chances na primeira etapa e o time adversário recuou bastante.


Segundo Tempo


O primeiro lance de perigo do segundo tempo aconteceu somente aos 5 minutos. Mateus Gonçalves, jovem meia habilidoso do Bragantino, arrancou pelo meio, passou pela marcação e arriscou o chute que Cavichiolli defendeu sem problemas.


O América assustou o adversário somente aos 19 minutos. Rodrigo Varanda que havia entrado na partida, recebeu na entrada da área e arriscou para o gol, a bola passou tirando tinta do travessão.


Aos 25 minutos, o Massa Bruta chegou com facilidade ao ataque, tocando a bola e a sobra ficou com o Tiago Borbas, o meia arriscou de fora da área e assustou o goleiro americano.


Com 41 minutos, o jogador Laquintana arriscou o chute do meio-campo e quase surpreendeu o goleiro Cavichiolli, que pulou e se assustou com a possibilidade do gol inusitado.


Aos 44 minutos, o VAR chamou o juiz Marcelo de Lima Henrique para a checagem de um possível pênalti. A decisão foi para a marcação do pênalti. Mastriani foi para a cobrança aos 48 minutos e perdeu a chance do empate. Claiton fez a defesa numa péssima cobrança do centroavante, no meio do gol.


Com 55 minutos, no fim do jogo, o Bragantino ampliou o marcador através de Lucas Evangelista, após pegar o rebote e chutar de canhota por baixo do corpo de Cavichiolli. 0 a 2.


América 0 x 2 Red Bull Bragantino


América: Matheus Cavichioli; Ricardo Silva, Iago Maidana e Éder; Matheus Henrique (Daniel Borges, Everaldo), Juninho, Breno (Rodrigo Varanda), Emmanuel Martínez e Rodriguinho (Cazares); Felipe Azevedo (Benítez) e Mastriani Técnico: Fabián Bustos.


Red Bull Bragantino: Cleiton; Léo Realpe, Lucão, Andrés Hurtado e Juninho Capixaba; Matheus Fernandes, Jadsom Silva (Eric Ramires), Matheus Gonçalvez (Nacho) e Lucas Evangelista; Vitinho (Luan Cândido) e Alerrandro (Thiago Borbas); Técnico: Pedro Caixinha.


Gols: Jadsom, aos 35'/1ºT, e Lucas Evangelista, aos 55/2°T, para o Bragantino;

Cartões amarelos: Everaldo (América); Lucas Rafael (Bragantino)

Público: 2.247

Renda: R$28.060,50

Motivo: 24ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro;

Data e horário: 19 de setembro de 2023 (terça-feira), às 21h30 (de Brasília);

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG);

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE);

Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Paulo de Tarso Bregalda Gussen (BA);

Quarto árbitro: Hieger Tulio Cardoso-MG;

VAR: Wagner Reway (FIFA-PB);




Comentarios


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page