Aumenta para 29 casos notificados de intoxicação por dietilenoglicol, diz Secretaria da Saúde

Já são 29 os casos notificados de intoxicação por dietilenoglicol que podem ter ocorrido após consumo de cervejas da Backer, segundo balanço divulgado nessa quinta-feira (30) pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas (SES-MG). Quatro casos foram confirmados e 25 são investigados.

Quatro pessoas morreram, sendo que um óbito está confirmado pela intoxicação. Os outros três são investigados.

A morte confirmada pela intoxicação é do bancário Paschoal Demartini Filho, de 55 anos, no dia 7 de janeiro, em Juiz de Fora, na Zona da Mata.

Interdição

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informou ter achado a substância dietilenoglicol em mais 11 lotes de cervejas da Backer. São 32 lotes contaminados de dez produtos diferentes: Belorizontina, Capixaba, Capitão Senra, Pele Vermelha, Fargo 46, Backer Pilsen, Backer D2, Corleone e Backer Trigo.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square