Coelho só precisa cumprir o dever de casa para subir para a Série A do Campeonato Brasileiro

Uma vitória jogando dentro de casa separa o América da Série A do Campeonato Brasileiro. Apesar de todo o aspecto psicológico que envolve uma partida tão importante, a missão não parece das mais complicadas. Isso porque se trata do Coelho sob o comando de Felipe Conceição.

Se nas 14 partidas do América no Independência sob a batuta do Tigrão foram nove vitórias, três empates e apenas duas derrotas, antes da efetivação do jovem treinador, o Coelho não venceu nenhuma partida atuando em Belo Horizonte pela Série B. Foram três derrotas e um empate.

Mesmo assim, o desempenho do Coelho como mandante é apenas razoável. O América tem apenas a sétima melhor campanha como anfitrião do campeonato, com 57,4% de aproveitamento. Adversário do alviverde amanhã, o São Bento é o pior visitante da competição, ao lado do também rebaixado Criciúma.

Para garantir a vaga na divisão de elite do futebol nacional em 2020, o América não pode repetir o filme de duas partidas consideradas decisivas que o Coelho disputou em Belo Horizonte e quando deixou a vitória escapar.

O acesso poderia já ser uma realidade caso o time tivesse vencido Ponte Preta e Paraná, nas 32ª e 33ª rodadas, respectivamente. Com um empate e uma derrota, a vida do América ficou mais complicada na Série B, mas as vitórias sobre Londrina e Cuiabá, fora de Belo Horizonte, recolocaram o Coelho na disputa pelo G-4.

Agora, basta uma vitória diante de sua torcida para que o América retorne à tão sonhada Série A.

Fato Novo

O Independência receberá um grande público para acompanhar o jogo deste sábado.

Até a última quinta-feira, já haviam sido comercializados mais de 16 mil ingressos para a partida que pode sacramentar uma temporada histórica do Coelho

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square