Telefone 181 passa a receber denúncias contra corrupção

A partir de agora denúncias contra corrupção e lavagem de dinheiro podem ser feitas também pelo Disque Denúncia, o 181. O anúncio da novidade nesta terça-feira (12) faz parte das comemorações dos 12 anos de atuação do serviço.

O 181 estará disponível para receber denúncias relativas aos crimes cometidos contra a Administração Pública e Lei das Licitações.

Vários outros casos também podem ser relatados. Entre as informações mais comuns relatadas estão drogas, armas de fogo, crimes testemunhados e transações monetárias ilegais. Em agosto deste ano, por exemplo, um homem que vendia linha chilena e pó de vidro, utilizado na produção do cerol, foi preso após comunicado pelo 181.

Quem faz a queixa tem o sigilo absoluto garantido e anonimato, além de estar contribuindo com o trabalho das polícias Civil e Militar, do Corpo de Bombeiros e Sesp. A operação do serviço fica a cargo do governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública (Sesp), e do Instituto Minas pela Paz.

O 181 Disque Denúncia não oferece resposta imediata, já que existe um prazo de 90 dias para apurar e responder a denúncia apresentada. Quando o cidadão precisar de uma resposta rápida, como em casos de flagrante, por exemplo, deve entrar em contato direto com as corporações: Polícia Militar (190), Polícia Civil (197) e Corpo de Bombeiros (193). As denúncias específicas de violência contra idosos, mulheres e pessoas com deficiência também não devem ser feitas pelo 181, mas pelo Disque Direitos Humanos (0800 031 1119).

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square