Ficar na Série A e time mais agressivo: Mancini destaca objetivos nos últimos oito jogos

O Atlético ainda luta para atingir a pontuação necessária para ficar na Série A do Campeonato Brasileiro. Faltando oito jogos para o fim da competição, o técnico Vagner Mancini pontuou os dois objetivos dele para o time nesta reta final de temporada: manter o clube na Primeira Divisão e mudar a forma da equipe atuar.

Questionado sobre o que irá satisfazê-lo ao fim do Brasileirão, Mancini expôs as metas. “Atingir logo a permanência (na Série A) e também jogar o futebol com o DNA do Atlético. Sinceramente, não vejo o Atlético jogando com posse de bola, eu quero um Atlético agressivo, um Atlético que parta para cima, que obviamente saiba valorizar a bola, e não estou falando de posse de bola lá atrás, eu quero posse de bola no campo ofensivo”, disse.

“Mas isso tudo demanda tempo. Muita coisa é jogada na atual situação do Atlético, mas a comissão técnica não estava aqui, esse foi o quinto jogo. Então, temos que ter um pouco de calma”, completou.

O time alvinegro ainda luta para se distanciar da zona de rebaixamento. Nesse sábado (2), o Atlético empatou com o Fortaleza, no Castelão, e permaneceu na 13ª colocação, com 36 pontos. Pelas projeções matemáticas, o Galo precisa de mais nove pontos nos últimos oito jogos (24 possíveis) para escapar da degola.

Na próxima quarta-feira, às 20h, o Galo encara o Goiás, no Mineirão. Para Vagner Mancini, o empate contra o Fortaleza só será bom se o time vencer a equipe goiana.

“Se fizermos mais uma vitória, somado com esse empate, faremos dois pontos em cada jogo. Assim, a gente sobe na tabela e caminha em termos de pontuação. É óbvio que pensamos em um jogo forte na quarta-feira diante de uma equipe bem montada, bem dirigida. Mas acho que o Atlético tem tudo para subir novamente”, frisou.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square