Atlético busca diante do Colón primeira vitória pela Sul-Americana no Mineirão

A busca da vaga na decisão da Copa Sul-Americana pelo Atlético diante do Colón, nesta quinta-feira, às 21h30, no Mineirão, passa pela quebra de uma pequena escrita, pois o Galo nunca venceu um jogo disputado no Gigante da Pampulha pela competição.

O universo é pequeno, tem confrontos apenas contra clubes brasileiros, e sempre pela primeira fase do torneio, mas de toda forma, nas três partidas pela Copa Sul-Americana em que o Galo foi mandante no Mineirão, soma duas derrotas e um empate.

Na partida desta quinta-feira, o Atlético, que perdeu a ida na semana passada, em Santa Fé, na Argentina, por 2 a 1, precisa vencer por 1 a 0 ou por, pelo menos, dois gols de diferença para alcançar a decisão.

A final será disputada em 9 de novembro, no Estádio Nueva Olla, em Assunção, no Paraguai. Será a primeira decisão em jogo único da Copa Sul-Americana, sendo esta a maior novidade da edição de 2019.

Público

Para buscar a vaga, o Atlético contará no jogo diante do Colón com um cenário bem diferente numa comparação com os três duelos de Copa Sul-Americana que já disputou no Mineirão, todos eles antes da reforma do estádio para as Copas das Confederações (2013) e do Mundo (2014).

Somando o público dos jogos contra Fluminense, em 2003; Botafogo, em 2008; e Goiás, em 2009; dá 21.842 pagantes.

Na partida desta quinta-feira, o Galo terá mais que o dobro deste número de torcedores apoiando a equipe de Rodrigo Santana.

A última parcial de público divulgada pelo clube apontava mais 42 mil torcedores garantidos na partida contra os argentinos.

O confronto acontece no Gigante da Pampulha justamente por causa da sua capacidade de público, pois nas semifinais da Sul-Americana a Conmebol exige estádios para pelo menos 30 mil pessoas. Time

A grande aposta de Rodrigo Santana em busca de um bom futebol é a volta do volante Jair, que formará dupla com Elias. O treinador pode promover ainda mudanças na sua trinca de meias, pois Chará, Vinícius Góes e Cazares tiveram uma queda de produção.

Na frente, a única certeza é que o centroavante argentino Di Santo vai comandar o ataque alvinegro.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM