América recebe Brasil-RS no Horto para ver o G-4 da Série B mais próximo

Para ainda sonhar com a volta à Série A em 2020, o América terá de manter aproveitamento de campeão no restante da temporada”. Palavra dos matemáticos, ancorados nos números e probabilidades. Difícil de fazer na prática, mas algo que o Coelho vem conseguindo.

Sob o comando de Felipe Conceição, já são 11 partidas de invencibilidade e um salto da lanterna para a 10ª posição, a apenas quatro pontos da zona de classificação. Situação que pode ficar ainda mais favorável hoje, às 20h30, quando a equipe volta a campo no Independência, diante do Brasil-RS. Uma partida que, ao menos na teoria, é a mais tranquila da sequência iniciada diante do Sport, no Recife, que ainda inclui Coritiba, CRB-AL e Bragantino, todos candidatos ao acesso.

A equipe de Pelotas ocupa a 12ª posição, com 29 pontos, e está num momento decisivo quanto às aspirações na competição. Se pontuar, segue próxima à primeira metade da tabela. Um tropeço, por sua vez, faria da permanência na Série B a maior possibilidade.

Correria De volta do Recife, ainda animados com a vitória sobre o Sport (2 a 0), os jogadores tiveram apenas um dia de trabalho no CT Lanna Drummond para a partida de hoje. A atividade começou na academia, com exercícios de fortalecimento e recuperação muscular.

Mais tarde Felipe Conceição comandou um treino tático em espaços reduzidos do campo, e atenção especial às finalizações. Para o duelo o treinador ainda não conta com o volante Zé Ricardo, que se recupera de incômodo no tornozelo; e com o meia Geovane, em tratamento de um estiramento na coxa. Por outro lado, quem pode voltar ao time é o zagueiro Paulão, que nem viajou a Recife, levantando dúvidas sobre sua continuidade no clube.

“É um time qualificado, que vem em crescimento, mas nós estamos trabalhando, vimos os vídeos, e tenho certeza de que faremos um grande jogo”, destaca o volante Willian Maranhão, que compara o estilo dos gaúchos ao do Operário-PR, que arrancou o empate sem gols em Belo Horizonte.

Para o jogador, a ansiedade com a aproximação do G-4 não pode prejudicar a sequência positiva. “Desde que o Felipe assumiu a proposta é subir degrau a degrau. Foi assim para sair da zona do rebaixamento, para chegar ao meio da tabela e tem de continuar assim para chegarmos à condição de subir. Temos de chegar de vez, para não sair mais”, destacou.

AMÉRICA

x

BRASIL-RS

Campeonato Brasileiro - Série B

AMÉRICA

Airton; Leandro Silva, Pedrão (Paulão), Ricardo Silva e Sávio; Juninho, Flávio, Willian Maranhão e Matheusinho; Felipe Azevedo e Júnior Viçosa

Técnico: Felipe Conceição

BRASIL-RS

Carlos; Ricardo Luz, Leandro Camilo, Nirley e William; Leandro, Cristian, Eduardo Person e Diogo Oliveira; Rodrigo e Murilo Técnico: Fabian Guedes

Horário: 20h30

Local: Independência

Arbitragem: Jefferson Ferreira de Moraes, auxiliado por Leone Carvalho Rocha e Hugo Sávio Xavier Correia, todos de Goiás.

Transmissão: Premiere

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM