Itaúna tem caso investigado de sarampo que 'provavelmente será confirmado', aponta boletim d

Itaúna registrou o primeiro caso de sarampo em investigação da região Centro-Oeste de Minas. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (30), pelo boletim epidemiológico do sarampo da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG).

Conforme a SES-MG, Itaúna está entre os cinco municípios do Estado onde há casos que "muito provavelmente serão confirmados”, mas ainda necessitam de percorrer etapas da investigação.

O G1 entrou em contato com a Prefeitura de Itaúna, para saber detalhes do caso e aguarda retorno. Conforme a Secretaria de Estado de Saúde, o paciente, que não teve gênero e idade divulgados, recebeu a vacina para impedir a evolução da doença.

As outras cidades são Viçosa, na Zona da Mata, Passos, no Sul de Minas, Uberlândia e Jundiaí (SP) que foi atendido em Belo Horizonte.

Nesta quarta-feira (28), o governo federal divulgou que nos últimos 90 dias, entre 2 de junho e 24 de agosto, 2.331 casos de sarampo foram confirmados em 13 estados. O maior número de registros suspeitos da doença é em São Paulo, até o mo momento foram notificados 2.299 casos.

Em Minas

Conformem a SES, desde o início de 2019 foram notificados 249 casos suspeitos de sarampo provenientes de 92 municípios em Minas Gerais. Destes, 67,1% foram descartados, 31,3% estão sob investigação e 1,6% casos foram confirmados.

Vacinação

As vacinas que protegem e são indicadas no caso da doença é a Dupla Viral, Tríplice viral e Tetra viral. De acordo com recomendação do Ministério da Saúde, crianças maiores de 6 meses devem receber a vacina tríplice viral.

Segundo calendário, a vacina era aplicada somente em crianças maiores de 1 ano, mas devido ao surto no país o Ministério viu a necessidade de ampliar as imunizações.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square