Técnico mais longevo da Série A em 2019, Mano completará 200 jogos pelo Cruzeiro no domingo

Há dois anos e sete meses no Cruzeiro, o técnico Mano Menezes completará 200 jogos pelo clube celeste no próximo domingo, no clássico contra o América, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Mineiro.

Em sua segunda passagem pelo Cruzeiro, Mano acumula 199 jogos à frente da equipe. São 97 vitórias, 58 empates, 44 derrotas, 283 gols a favor e 172 gols contra.

Desde julho de 2016 no Cruzeiro, o gaúcho é o treinador há mais tempo no cargo considerando os comandantes dos clubes que disputarão a Série A do Campeonato Brasileiro em 2019.

Atualmente, Mano Menezes é o quinto técnico que mais dirigiu o Cruzeiro na história e está próximo de ultrapassar Matturio Fabbi, que tem 201 partidas à frente do clube. Com contrato até dezembro deste ano, ele poderá assumir a segunda posição no ranking, superando Niginho (247) e Levir Culpi (257), ficando atrás apenas de Ilton Chaves (389).

Pelo Cruzeiro, Mano conquistou duas Copas do Brasil (2017 e 2018) e um Campeonato Mineiro (2018).

Técnicos que mais treinaram o Cruzeiro na história:

1º - Ilton Chaves – 389 jogos 2º - Levir Culpi – 257 jogos 3º - Niginho – 247 jogos 4º - Matturio Fabbi – 201 jogos 5º - Mano Menezes – 199 jogos 6º - Airton Moreira – 191 jogos 7º - Ênio Andrade – 187 jogos 8º - Orlando Fantoni – 172 jogos 9º - Adilson Batista – 169 jogos 10º - Marcelo Oliveira – 169 jogos

Técnicos mais longevos da Série A de 2019:

1º - Mano Menezes (Cruzeiro) – julho de 2016 2º - Renato Gaúcho (Grêmio) – setembro de 2016 3º - Rogério Ceni (Fortaleza) – novembro de 2017 4º - Odair Hellmann (Internacional) – novembro de 2017 5º - Marcelo Cabo (CSA) – fevereiro de 2018 6º - Geninho (Avaí) – abril de 2018 7º - Lisca (Ceará) – junho de 2018 8º - Enderson Moreira (Bahia) – junho de 2018 9º - Tiago Nunes (Athletico-PR) – junho de 2018 10º - Luiz Felipe Scolari (Palmeiras) – julho de 2018 11º - Zé Ricardo (Botafogo) – agosto de 2018 12º - Alberto Valentim (Vasco) – agosto de 2018 13º - Claudinei Oliveira (Chapecoense) – outubro de 2018 14º - Levir Culpi (Atlético) – outubro de 2018 15º - André Jardine (São Paulo) – novembro de 2018 16º - Maurício Barbieri (Goiás) – dezembro de 2018 17º - Fábio Carille (Corinthians) – dezembro de 2018 18º - Abel Braga (Flamengo) – dezembro de 2018 19º - Jorge Sampaoli (Santos) – dezembro de 2018 20º - Fernando Diniz (Fluminense) – dezembro de 2018

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM