Confusões em clássicos no Mineiro 2018 tiram Edílson e Léo da estreia do Cruzeiro

O lateral-direito Edílson e o zagueiro Léo estão fora da estreia do Cruzeiro na temporada contra o Guarani, em Divinópolis, neste sábado, às 16h30, pela primeira rodada da fase de classificação do Campeonato Mineiro. Envolvidos em confusões em clássicos contra o Atlético no Estadual do ano passado, os dois titulares terão que cumprir suspensão na primeira partida oficial de 2019.

Léo ficará de fora não somente da estreia, mas também da segunda rodada, contra o Patrocinense, quarta-feira (23), no Mineirão. No ano passado, o zagueiro foi punido pelo Tribunal de Justiça Desportiva de Minas Gerais (TJD-MG) com quatro partidas de gancho por agressão ao atacante Ricardo Oliveira no clássico da nona rodada da fase de classificação do Mineiro. O atleta já cumpriu dois jogos em 2018 e tem mais dois pendentes.

Já Edílson foi denunciado pela procuradoria do TJD-MG pelo lance com Otero no segundo jogo da final do Mineiro contra o Atlético, no Mineirão. Aos 21 minutos do primeiro tempo, em jogada na lateral, próximo ao meio-campo, a bola chegou até o camisa 2 do Cruzeiro, que deu um chutão para frente e levantou a perna direita, mas não acertou o venezuelano, que não gostou da atitude e acertou uma cotovelada no rosto do cruzeirense.

O árbitro Luiz Flávio de Oliveira expulsou Otero e deu cartão amarelo para Edilson. No entanto, o TJD-MG denunciou o lateral-direito do Cruzeiro com base nas imagens da TV. Assim, o jogador foi suspenso por um jogo, a ser cumprido na estreia do Mineiro 2019.

Desta forma, o colombiano Luís Orejuela, reforço contratado para este ano, deverá fazer sua estreia com a camisa celeste na lateral-direita. Na zaga, Fabrício Bruno, Murilo e Cacá disputam uma vaga para ser o companheiro de Dedé.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square