Saúde realiza mais uma ação para captura de escorpiões no Cemitério Central de Itaúna

Trabalho de combate ao aracnídeo é contínuo e intenso em todas as regiões da cidade

Em continuidade ao trabalho de combate aos escorpiões em Itaúna, as equipes da Vigilância Ambiental, órgão que integra a Secretaria Municipal de Saúde, realizou mais uma ação para captura dos aracnídeos no Cemitério Central, na noite de quarta-feira, 12 de dezembro. De acordo com o balanço feito pelo setor foram recolhidos cerca de 80 exemplares do animal peçonhento.

Os bichos são encaminhados à Fundação Ezequiel Dias – Funed, em Belo Horizonte. A instituição é especializada na pesquisa e produção de soro antiescorpiônico no Brasil. E, com a entrega dos artrópodes, destina ao Município o antídoto.

Hábitos noturnos

Escorpiões se alimentam de insetos, principalmente de baratas, que são encontradas em grande quantidade nos cemitérios. Podem sobreviver longos períodos sem comida e água, escondidos em lugares escuros e úmidos. Eles causam acidentes quando tocados ou comprimidos contra o corpo. E o controle por meio de inseticidas ou outros agentes químicos é muito difícil. Em Minas Gerais, são encontradas duas espécies que podem causar acidentes graves, o amarelo (Tityus serrulatus) e marrom (Tityus bahiensis).

As pessoas que moram perto do cemitério, devem ficar sempre atentas e, em caso de picada, procurar a unidade de saúde mais próxima. Se possível, capturar o escorpião com cuidado e levá-lo para a identificação da espécie. Isso facilitará na especificação do soro que reverterá o quadro da toxina no organismo. Soluções caseiras e automedicação podem ser fatais.

Principais sintomas

Os principais sintomas da picada são dor intensa no local, que se espalha por todo membro. Náuseas, vômitos e salivação, além de alterações cardíacas e circulatórias. Já a gravidade do acidente vai depender dos seguintes fatores: espécie do escorpião; idade da vítima (criança até 14 anos e idosos compreendem o grupo de maior risco); doença no coração e sensibilidade da vítima ao veneno do escorpião.

Vale ressaltar o cuidado que se deve ter ao calçar os sapatos, remover entulhos com as mãos desprotegidas, usar roupas e toalhas sem antes vistoriar, dormir em camas próximas à parede com roupas de cama encostadas ao chão. Manter quintais e jardins sempre limpos, camas e berços afastados, no mínimo, dez centímetros da parede são as principais recomendações. Também, não se deve pendurar roupas nas paredes. Limpar periodicamente ralos de banheiro, cozinha e caixas de gordura é essencial, assim como usar telas nas aberturas dos ralos, pias e tanques, além de eliminar possíveis materiais e buracos que possam servir de abrigo.

Serviço disponível

A Prefeitura de Itaúna dará continuidade às ações, com a finalidade de estabelecer o controle de possível infestação. Mas é de grande importância a cooperação da população. Essa união entre os órgãos e a população facilitará com o extermínio do aracnídeo e consequentemente com o risco de possíveis acidentes. Para mais informações sobre formas de prevenção e procedimentos em casos de acidentes, a Secretaria de Saúde está à disposição. Basta entrar em contato pelo telefone 3241.4999.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square