Com lance polêmico, Atlético cede empate ao Palmeiras e aumenta sequência sem vitórias

Em jogo eletrizante na tarde deste domingo, o Atlético empatou por 1 a 0 com o Palmeiras, na Arena Independência, em Belo Horizonte, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o alvinegro aumentou para cinco a sequência de jogos sem vitória no Nacional. Há quatro jogos no comando da equipe, Levir Culpi, consequentemente, ainda não venceu no retorno ao comando alvinegro.

Os dois gols foram marcados no segundo tempo. Elias, aos 18 minutos, marcou para o Atlético, e Bruno Henrique, aos 31, empatou de pênalti para o líder da competição.

Após o empate, o Atlético voltou para o sexto lugar no Brasileirão, com 47 pontos. Em busca de uma vaga na fase de grupos da Libertadores 2019, o alvinegro joga todas as fichas nesta reta final, enquanto torce contra Atlético-PR e Santos, que joga nesta segunda (12) com a Chapecoense.

Já o Palmeiras se aproxima cada vez mais do título da competição, em primeiro lugar com 67 pontos e a boa vantagem de cinco pontos sobre o Internacional, segundo colocado, que empatou com o Ceará fora de casa.

Na próxima quarta-feira, às 21h, o Atlético volta a campo contra o já rebaixado Paraná, no Durival de Britto. Também na quarta, mas às 21h45, o Palmeiras enfrenta o Fluminense, na Arena Palmeiras.

O jogo

Os dois times fizeram um primeiro tempo equilibrado, com o Atlético tendo o controle da posse de bola, e um Palmeiras perigoso nas poucas oportunidades em que conseguiu chegar ao gol.

A primeira delas aconteceu aos 25 minutos. Deyverson fez bela jogada, entrou na área e cruzou para Guerra chutar de primeira, mas Victor defendeu com a perna direita. A segunda ocorreu aos 43. Após cobrança de escanteio, novamente Deyverson pegou de primeira e exigiu outra grande defesa do goleiro alvinegro.

O Atlético começou o jogo com Chará na direita e Luan na esquerda. As jogadas pelas laterais do campo foram mais exploradas com Emerson e Fábio Santos descendo ao ataque com regularidade, mas com falhas na criação. Bem marcado, Ricardo Oliveira não conseguiu uma única finalização contra Weverton.

No segundo tempo, logo aos 18 minutos, o Atlético abriu o placar. Cazares deu belo passe de calcanhar para Fábio Santos na esquerda, o lateral cruzou e encontrou Elias dentro da área, o volante dominou e acertou o ângulo do goleiro Weverton.

Mesmo não jogando bem no segundo tempo e tendo recuado demais, o Palmeiras chegou ao empate. O árbitro Wilton Pereira Sampaio assinalou pênalti de Adílson sobre Edu Dracena. Muitos torcedores ficaram na bronca. Na cobrança, Bruno Henrique empatou o jogo no estádio Independência. Ouça!

O empate fez o Atlético se lançar ao ataque, pressionar o Palmeiras, mas o time alvinegro não conseguiu voltar a marcar e vencer a partida.

Atlético 0 x 0 Palmeiras

Atlético: Victor; Emerson, Leonardo Silva, Maidana e Fábio Santos; Adilson, Elias, Cazares (Terans), Chará e Luan; Ricardo Oliveira (Alerrandro). Técnico: Levir Culpi

Palmeiras: Weverton; Jean, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Bruno Henrique, Felipe Melo e Moisés (Thiago Santos); Guerra (Lucas Lima), Deyverson e Willian (Gustavo Scarpa). Técnico: Luiz Felipe Scolari

Motivo: 33ª rodada do Campeonato Brasileiro Data: 11 de novembro de 2018, domingo, às 17h Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Elias (18'/2º); Bruno Henrique (31'/2º)

Cartão Amarelo: Ricardo Oliveira, Maidana, Adílson (Atlético)/ Felipe Melo, Edu Dracena (Palmeiras)

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO) Auxiliares: Alessandro Álvaro Rocha de Matos (BA) e Bruno Raphael Pires (GO) Adicionais: Jefferson Ferreira de Moraes (GO) e Bruno Rezende Silva (GO)

Público total: 20.488 torcedores Renda: R$ 222.650,00

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square