Cruzeiro encara o Vasco no Rio para encaminhar vaga no Grupo 5 da Libertadores

Depois de um início ruim, o Cruzeiro tem a oportunidade de dar um passo importante para garantir vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores. Nessa quarta-feira, a partir das 21h45, a Raposa encara o Vasco, em São Januário, no Rio de Janeiro, em jogo da penúltima rodada do Grupo 5. Embalada pela histórica goleada de 7 a 0 sobre a Universidad de Chile, a Raposa ocupa a vice-liderança do grupo (com cinco pontos) e só depende de suas forças para seguir na competição.

Acompanhe, a partir das 21h30, a Jornada Esportiva da Itatiaia, com o 1º Time do Rádio. Narração de Alberto Rodrigues, comentários de Leo Figueiredo e reportagens de Samuel Venâncio e Wellington Campos.

A ideia do Cruzeiro é vencer o Vasco e chegar diante do líder Racing-ARG, no Mineirão, com a situação bem encaminhada. “Fizemos um último jogo contra a La U muito importante, muito bom, com placar elástico. Mas, teremos outro jogo de suma importância contra o Vasco. Em São Januário é difícil de jogar, lá eles batalham muito pela bola. Estou com uma expectativa boa de fazer um bom jogo, tentar ajudar ao máximo o Cruzeiro, da forma que sempre ajudei. Fiz grandes amigos no Vasco, foi o clube que me projetou. Mas hoje estou muito focado no nosso objetivo, penso em fazer o melhor pelo meu clube e sair de lá com a vitória”, analisou o zagueiro Dedé, revelado pelo clube da Colina.

O Cruzeiro defende uma marca expressiva contra o Vasco em São Januário. Jogando na casa do rival, o time mineiro não perde há 12 anos. A última derrota, por 1 a 0, foi em julho de 2006, pelo Campeonato Brasileiro daquele ano. Na Libertadores são três jogos, com uma vitória para cada lado e um empate sem gols, este que aconteceu no começo deste mês, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte.

Times

O Vasco tem um desfalque certo e uma dúvida para o duelo que pode decidir a sua vida no torneio continental. Leandro Desábato foi expulso na última partida contra o Racing e provavelmente dará lugar a Bruno Silva. Já Wagner foi preservado do último treinamento em razão de uma forte gripe e virou dúvida.

A tendência, segundo o técnico Zé Ricardo, é que o meia jogue. "Wagner teve uma gripe muito forte, estamos contando cm ele. Recuperação é para não desgastá-lo. Foi assim em outro episódio, no jogo contra a Universidad de Chile. Não quisemos expô-lo hoje (segunda-feira)", disse o treinador.

Fora dos gramados há quase um ano em virtude de uma grave lesão nos ligamentos do joelho, o atacante Kelvin será relacionado para o confronto. Outro que não joga há muito tempo é o zagueiro Breno. Fora desde novembro, ele ainda não se recuperou completamente da lesão no menisco e permanece sem poder atuar.

No lado cruzeirense também há incertezas e elas dizem respeito às presenças de Edilson e Thiago Neves em campo. O primeiro se recupera de um trauma no tornozelo e participou de apenas uma parte da última atividade do time antes do duelo. Tem boas chances de ficar fora, o que abriria um lugar para Lucas Romero na direita.

Já Thiago Neves, que reclamou de dores na coxa na partida contra o Universidad de Chile, esteve presente durante todo o treinamento nesta terça-feira e não deve ser problema para Mano Menezes. Pelo bom desempenho na goleada no Mineirão, Sassá seguirá no time titular.

FICHA TÉCNICA Vasco x Cruzeiro

Cruzeiro: Fábio; Edilson (Lucas Romero), Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Rafinha, Thiago Neves e Arrascaeta; Sassá. Técnico: Mano Menezes

Vasco: Martín Silva; Yago Pikachu, Paulão, Werley e Henrique; Bruno Silva, Wellington, Wagner (Evander), Thiago Galhardo e Rildo; Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo

Motivo: 5ª rodada - grupo 5 da Copa Libertadores

Data: 2 de maio de 2018, quarta-feira, às 21h45

Local: Estádio São Januário, em Rio Janeiro (RJ)

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Auxiliares: Danilo Manis (SP) e Bruno Pires (GO)

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM