Sette Câmara fala sobre planos caso seja presidente: técnico, Gallo e nova filosofia

Favorito a ganhar a eleição para a presidência do Atlético em dezembro, o advogado Sérgio Sette Câmara revelou, em entrevista exclusiva àItatiaia nesta terça-feira, algumas de suas ideias para o clube. Ele pontuou que tem uma filosofia diferente da atual gestão, de Daniel Nepomuceno, membro do grupo político que apoia Sette Câmara no pleito.

Em uma das respostas, ele demonstrou incerteza quanto à permanência do técnico Oswaldo de Oliveira para o ano que vem, caso seja eleito – treinador assinou contrato até o fim de 2018. “Nós ainda vamos conversar com o [Alexandre] Gallo e depois vamos sentar com o Oswaldo e vamos analisar o Atlético de 2018. Passa por tudo isso aí. A gente tem que pensar desde a comissão técnica a todos os jogadores da base que vão subir”, declarou.

Citado pelo candidato, Alexandre Gallo será o diretor de futebol do clube se a chapa de Sette Câmara vencer. As razões para a contratação, segundo ele, são porque o mercado para a função é complicado e Gallo tem identificação com o clube. “Foi capitão do Atlético, um ótimo atleta, uma pessoa que tem uma postura muito firme, tem uma certa experiência, passou pela CBF.”

Sette Câmara diz que, em sua gestão, Gallo não seria um diretor para ficar à frente das negociações de jogadores, mas teria uma função técnica, de cuidar do futebol, inclusive da base. “O Atlético está precisando, e muito, revelar pratas da casa, e quero investir muito nisso”, destaca.

Segundo o candidato, o momento é de ousar ao procurar alguém para o cargo, até porque, justifica, os diretores que estão no mercado são “caríssimos”. “E o Gallo veio numa condição muito boa para nós, dentro do que cabe no bolso do clube, já que nós vamos ter que passar por um momento de ajuste financeiro.”

Ele argumenta citando dois exemplos de apostas que têm dado sucesso: “Edu Gaspar, qual foi a experiência dele antes do Corinthians? E hoje está na Seleção Brasileira, e eu acho que ele é inquestionável hoje. O diretor de futebol atual do Corinthians é o Alessandro. E o Corinthians está aí disputando, com muitas chances, para ser campeão brasileiro.”

Recado para os atleticanos

“A torcida do Atlético pode ter certeza que quem vai estar sentado na cadeira de presidente do Atlético, caso eu venha a ser eleito, é um torcedor que desde os 6,7 anos de idade frequenta o Mineirão, que foi muitos e muitos anos de ônibus, pegando o ônibus ali na Rua dos Tupis, que frequentou torcidas organizadas, que sofreu, que vibrou, que já passou tudo aquilo que todo atleticano comum, que é como eu sou, já passou. Nós, juntos, vamos conseguir ter muito sucesso nestes próximos três anos, não vai faltar dedicação. Eu quero que a torcida tenha compreensão. Esse primeiro ano é difícil, muitas coisas vão mudar, eu tenho uma outra filosofia diferente e entendo que implantada essa filosofia nós vamos conseguir muitos títulos, muitas vitórias, grandes conquistas, muitas alegrias.”

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM