Após igualar recorde em início de campeonato, Corinthians mantém foco no trabalho

O início de campanha do Corinthians no Campeonato Brasileiro não tem sido apenas vitorioso, mas também histórico. A vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, na noite de quarta-feira, fez com que o time de Fábio Carille chegasse aos 19 pontos e tivesse o melhor início de campanha da história do Brasileiro em pontos corridos, que começou em 2003. Por outro lado, em apenas três edições da competição realizada com este formato de disputa, o líder neste momento do torneio sagrou-se campeão nacional.

Foram seis vitórias e um empate nas primeiras sete rodadas do Brasileiro, o que dá um aproveitamento de 90,5%. Curiosamente, o Corinthians assim igualou o mesmo início de campanha no Brasileirão de 2011, quando se sagrou campeão e também venceu seis vezes e empatou uma nos seus sétimos primeiros jogos na competição.

Os jogadores corintianos, porém, não se deixam levar pela empolgação que poderia ser provocada pela boa fase e garantem que manterão o foco no trabalho. O goleiro Cássio deixou isso claro nesta quinta-feira, em entrevista coletiva.

“A gente sempre almeja coisas grandes. Esse grupo tem persistência e sempre acredita, por mais difíceis que sejam as partidas. Sempre tivemos persistência, e pensamos jogo a jogo, não adianta olhar estatística, se isso ou aquilo aconteceu em outros anos. Estamos em 2017. Estar em primeiro lugar não quer dizer se seremos campeões”, ressaltou o ídolo corintiano.

No momento, o Corinthians é a equipe a ser batida na temporada. Além da liderança no Brasileirão, o time não perde há 20 partidas e, em mais da metade dos confrontos no ano, sua defesa não foi vazada. Hoje, tem sobras de ponto na classificação.

Apesar da boa fase, a intenção é não diminuir o ritmo para não perder o embalo. Para o goleiro Cássio, o momento especial não é a resposta a quem achava que o Corinthians era a ‘quarta força’ do futebol paulista.

“É muito legal estar entre os primeiros, isso é fruto do nosso trabalho, mas não tomamos isso como algo para jogar na cara de quem criticou nossa equipe, de maneira alguma. Só nos preocupamos com nós mesmos, para fazermos o melhor. Queremos ser competitivos e pensar jogo a jogo. O time mostra consistência, estamos no meio do ano e os resultados são fruto do nosso trabalho”, comentou.

Nesta sexta-feira, o lateral-direito Fagner e o meia Rodriguinho já vão participar do treino da equipe. Eles estavam com a seleção brasileira na Austrália e podem reforçar o Corinthians no jogo de domingo, com o Coritiba, às 11 horas, no Couto Pereira, pela oitava rodada do Brasileirão.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

 Alternativa FM